Pode não parecer, mas gravar gameplay de jogos é sim também uma maneira de se tornar um profissional na área de games!

Afinal de contas, compartilhar seus momentos de lazer e jogatina também são uma forma de entretenimento e streamers como o Ninja estão aí para provar. Por ser um mercado relativamente novo, você não precisa de nenhuma especialização para fazer suas transmissões.

O melhor de tudo é que pode usar seu hobby favorito para fazer um dinheiro, seja como um profissional especializado ou uma maneira de conseguir uma renda extra. Inclusive se o destino dessa renda for uma placa de vídeo novinha, o que também dará um upgrade nas transmissões.

Como você verá ao longo do artigo, o mais importante é consistência e dedicação. Ou seja, nada muito diferente de quem trabalha produzindo conteúdo na internet.

Por isso, acompanhe conosco 10 dicas para começar a fazer seu streaming de jogos!

1. Comece com o equipamento que tiver em mãos

Transmitir jogos online pode exigir um certo grau de equipamento para fazer streams a nível profissional. Mas você só se torna um streamer profissional quando passa a ganhar dinheiro por isso.

O que isso significa? Que você não precisa se preocupar em ter o melhor equipamento em mãos nesse momento para começar, até porque se não der certo, você pode perder o dinheiro do investimento.

Use o equipamento e programas que estiverem à sua disposição. Não tem uma configuração robusta para transmitir jogos AAA? Então transmita games indies de sucesso ou jogos antigos, que não exigem tanto de sua máquina.

Ou seja, invista apenas o necessário para começar a transmitir. De resto, utilize os recursos que já tinha antes de tomar a decisão de fazer streaming de jogos.

E se as pessoas gostarem de você e do seu conteúdo, certamente vai fazer sucesso e ao perceber isso, comece a investir na ideia como qualquer negócio.

2. Planeje seus próximos upgrades

Apesar de não ser necessário pensar em comprar novos equipamentos em um primeiro momento, isso não significa que deva deixar de pensar em fazer upgrade.

Se for transmitir jogos a partir do PC, isso não é tão complicado, bastando comprar uma nova placa de vídeo ou processador, mais memória, ou investir num disco SSD.

Já se for Xbox ou Playstation, será preciso adquirir um novo console, pois videogames infelizmente não permitem melhorias de hardware ainda.
Diversas lojas virtuais especializadas, como a Terabyteshop, vendem PC Gamer prontos, montados e certificados para os games que você deseja jogar.

Para chegar ao nível profissional, é necessário que seja capaz de reproduzir streams de qualidade. Por isso, avalie os equipamentos que usa atualmente, o que precisa para melhorar os streams e faça um orçamento do que precisa.

Ter esse planejamento em mãos pode te ajudar a tomar decisões na hora de comprar ou montar seu próximo PC gamer. Ou acessórios como microfones e webcams, entre outros.

Se o seu canal de games já superou a fase inicial e possui um bom número de inscritos, é interessante pensar também em acessórios que vão te ajudar a gravar os gameplays e interagir com seu público.

Stream Deck Elgato. Foto: reprodução/internet.

Um bom add-on ao seu setup gamer são os equipamentos conhecidos como “streams” (imagem acima), que te permitem controlar programas diversos no PC, bater papo com seus seguidores e até adicionar interatividades como gifs em tempo real durante suas transmissões no Twitch, Mixer, Youtube, Xplit etc.

3. Estude os prós e contras das plataformas de streaming

Antigamente, o Twitch reinava sozinho. Hoje a situação já é diferente. Apesar de ainda ser a plataforma mais popular, não precisa se limitar a ele.

Até o próprio Facebook já permite fazer streaming de jogos que podem ser acessados direto da rede social.

Além disso, temos o Mixer da Microsoft e o próprio Youtube pode ser usado como uma plataforma para transmitir suas jogatinas.

Por isso, olhe os termos de usuários e o que é necessário para monetizar seu canal em cada um deles.

Avalie também os prós e contras de cada uma, considerando a compatibilidade dessas plataformas com seu equipamento e programas de streaming.

5 plataformas de streaming a considerar:

  • Twitch – a mais popular, mas também a mais concorrida
  • Mixer – ideal para quem faz stream no Xbox One e com as melhores condições de monetização para streamers iniciantes. Também é bastante popular e concorrida;
  • YouTube – maior plataforma de vídeos do mundo, mas você usa a plataforma de transmissões ao vivo, concorrendo com outros tipos de lives;
  • Facebook – recém-lançado, ainda está recebendo adesão de outros streamers. Mais fácil de conseguir popularidade, apesar da base menor de usuários;
  • NimoTV – indicado para quem faz streaming de jogos para celular. Também possui menos concorrência, facilitando a disputa pelo público.

4. Estude os prós e contras dos softwares de streaming

Para fazer streaming de jogos, não basta apenas se cadastrar em uma plataforma e começar. Na maioria das vezes, também é necessário vincular um software de streaming, que será responsável por capturar as imagens e enviá-las para a plataforma.

Assim como fez na dica anterior, procure estudar também os benefícios e limitações de cada software. Os mais populares são o OBS Studio e o XSplit.

Transmitindo gameplay com OBS Studio.

O primeiro deles é gratuito e em código aberto, permitindo criar sua própria versão, caso tenha habilidades em programação ou alguém que possa fazer isso por você. Por outro lado, também é mais complicado de aprender, já que não é tão intuitivo.

O XSplit segue o caminho inverso. Possui interface melhor e mais fácil para novos usuários. Porém, não há espaço para personalização e a plataforma cobra pagamento recorrente para usá-lo.

Vale lembrar que eles não são os únicos softwares, então não se esqueça de buscar por opções que possam melhor te atender.

5. Como gravar gameplay de jogos no console?

Se o seu PC ainda não tem condições de fazer streaming de jogos para o seu canal, você pode muito bem fazer com o seu console. Porém, cada videogame tem sua própria configuração para fazer streaming.

Veja como fazer streaming nos consoles da geração atual logo abaixo:

  • Xbox One: basta ter o aplicativo do Twitch ou do Mixer instalados no aparelho. Se tiver o Kinect, pode usá-lo como webcam para filmar e exibir seu rosto durante a transmissão;
  • Playstation 4: o PS4 é um dos mais fáceis de fazer streaming de jogos. Basta abrir o jogo que irá transmitir, clicar no botão Share e logar em sua plataforma favorita;

Observação: o streaming nativo em ambos os consoles possuem apenas um problema: algumas empresas bloqueiam a transmissão de conteúdo após certo tempo ou de maneira total. Antes de começar um jogo novo – principalmente lançamentos -, verifique se há alguma restrição para transmissões.

  • Nintendo Switch: diferente das opções acima, o híbrido da Nintendo não possui função nativa para streaming de jogos. Nesse caso, será necessário adquirir uma placa de captura. 
Placa de captura 4K da Avermedia

Esses aparelhos ficam dedicados ao trabalho de fazer a transmissão e gravar o gameplay, economizando o processamento de seu videogame ou computador. Veja algumas das melhores placas de captura para fazer suas transmissões neste artigo!

6. Foque seu canal em algo que é bom

É conhecido por ser uma pessoa carismática? Ou é um speedrunner e zera jogos na velocidade da luz? Então invista seu canal nisso!

Por exemplo, se é conhecido pelo carisma, então aposte em tornar a experiência de te assistir a mais divertida possível. Faça brincadeiras, aposte no humor ou até mesmo faça seus streams com uma roupa ou fantasia específica.

No exemplo dos speedrunners, mostre suas habilidades e tente quebrar recordes enquanto seus espectadores te acompanham.

Outra possibilidade é quando você se especializa em um tipo de jogo. Por exemplo, se é muito bom no Street Fighter, monte um streaming de jogos focado nas partidas do jogo de luta e participe de competições.

7. Encontre um nicho

O universo do streaming de jogos é bastante parecido com o do próprio marketing digital. Se não é familiarizado com esse ramo do marketing, um de seus principais mandamentos é o de saber encontrar um nicho para vender seus produtos.

Nesse caso, você precisa encontrar um nicho para que seu público ache você. Não tente começar fazendo streams dos principais jogos do mercado, igual a todos os outros.

Afinal de contas, existem streamers com maior alcance com você fazendo a mesma coisa. A probabilidade joga no favor deles, não no seu.

Por isso, tente tornar seu canal mais específico. Você pode atender a um nicho específico. Um exemplo seria fazer transmissões de jogos baseados em animes.

Se curte games de estratégia, pode apelar para o nicho que prefere jogos de estratégia baseados em turnos, entre outros.

Após fidelizar um público, pode testar abranger esse escopo, adicionando outros tipos de jogos de estratégia. À medida que alcança objetivos, abranja o escopo para trazer mais assinantes.

8. Interaja com seus espectadores

Você pode ser um streamer mais introspectivo e não recorrer tanto à humor ou gritos desnecessários. Mas isso não significa ficar em silêncio. Afinal, se for para jogar calado, é melhor jogar sozinho.

Por isso, interaja com os espectadores do seu canal, principalmente no início, quando há menos de 5 visualizações simultâneas.

Tente atraí-los para conversar enquanto joga, aprenda mais sobre eles e fale sobre o seu canal. Dessa maneira, você prende a atenção desses espectadores às suas transmissões.

9. Conheça outros streamers

Além de conhecer seus espectadores e assinantes, não deixe o networking de lado. Conheça outros streamers, principalmente os que produzem conteúdo que pode se relacionar ao seu.

Criar vínculos com outros streamers pode gerar convites para transmissões em conjunto, uma boa estratégia para atrair assinantes de um canal para o seu ou vice-versa. Ou seja, convidar streamers e seu público a conhecerem o seu canal.

10. Seja CONSISTENTE!

A última dica também é a mais importante: tenha consistência! Existem duas grandes vantagens em ser consistente em suas transmissões. A primeira delas é que isso te ajuda a criar uma rotina e entender a prática como algo profissional.

A segunda é que fazer transmissões em dias e horários consistentes faz com que essa agenda fique fixada na cabeça de seus assinantes. Ou seja, se toda quarta às 20hrs você faz stream, seu assinante lembrará que esse horário deve estar reservado para te assistir.

Ou seja, sua base de espectadores regulares aumentará de maneira gradativa, pavimentando seu caminho para ser um streamer profissional!

Mas lembre-se: você não se tornará um streamer de sucesso da noite para o dia. Seja consistente, mas também tenha bastante paciência e dedicação para alcançar seu lugar ao Sol!

Dica extra 1: atraia anunciantes para o seu canal e comece a ganhar dinheiro com gameplay

Nenhum canal sobrevive por muito tempo sem patrocínio. Por isso é muito importante criar um padrão nas suas transmissões de modo a permitir que espectadores e potenciais anunciantes saibam exatamente o que estão assistindo.

se seu canal já tem muitos seguidores e vai começar a fazer publicidade durante os vídeos, é prudente deixar isso claro aos espectadores para que não se sintam enganados achando que você só está falando bem de um produto porque está sendo pago…

No Youtube você tem a facilidade de receber dinheiro exibindo anúncios do Google, porém se você permite muita propaganda nos vídeos seus seguidores podem não gostar, então é preciso ter bom senso e não abusar (fato: ninguém gosta de ser interrompido por propaganda).

Tanto no Youtube quando em outros serviços de streaming que você venha a usar, existem maneiras mais discretas e não tão intrusivas de gerar renda, sem atrapalhar a experiência do espectador.

se possui uma quantidade considerável de seguidores assíduos, é hora de garimpar patrocinadores/anunciantes que tenham interesse no nicho gamer, como por exemplo: desenvolvedores de jogos, fabricantes de equipamentos para games, lojas virtuais, empresas de telefonia etc.

Uma opção interessante, e mais fácil do que conseguir um contrato com empresas grandes, é cadastrar em redes de afiliados, que são plataformas que hospedam centenas de anunciantes de vários setores, e que pagam a você pela divulgação.

No artigo Top 7 Melhores programas de afiliados do Brasil aqui no blog, tem várias dicas e uma relação de redes de afiliação seguras para trabalhar.

Você pode ganhar dinheiro adicionando links na descrição dos vídeos ou sugerindo que seus espectadores comprem algum produto ou serviço patrocinado.

Dica extra 2: procure as melhores ofertas e descontos para PC Gamer, hardware e consoles

Aqui no site você encontra ofertas e cupons de desconto de lojas tradicionais de PC, games e hardware como 2AM Gaming, Kabum, Terabyteshop, Shopinfo, Lenovo e Submarino

Dica: utilize a busca do PegaDesconto para encontrar também produtos através do nome ou modelo. Nosso filtro avançado procura as melhores ofertas em centenas de lojas parceiras.

Adicionado em 01/07/2019: depois da publicação do artigo, a loja Kabum ofereceu um código de cupom exclusivo para Placas de Captura, disponível aqui até o final de julho:

Cupom Kabum disponibilizado no PegaDesconto, concede redução de 10% no valor das placas de captura mais desejadas!

Agora que já tem as principais dicas para começar a gravar gameplay de jogos é hora de se planejar para iniciar o compartilhamento de vídeos do seu jogo preferido.

Se já tem um canal de games compartilhe conosco nos comentos, ou se tiver dúvidas use também para perguntas.

Leia também:

Assinar
Notificação
41 Comentários
novos
antigos mais votados
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
PegaDesconto
Left Menu Icon