É inegável que os streamers já façam parte do ecossistema de games e uma escolha viável de carreira.

Se há décadas atrás sonhávamos em ganhar dinheiro com videogames, isso se torna possível com as transmissões ao vivo. Mas qual entre os programas para fazer streaming deve escolher?

Para conseguir ocupar suas horas de trabalho jogando e ganhando dinheiro para isso, primeiro é necessário aprender algumas coisas. Afinal, antes de começar você precisa entender como funcionam os acessórios gamers para transmissão, como placas de vídeo ou captura.

Além disso, existem estratégias para otimizar seu tempo de jogo e conquistar mais seguidores para acompanhar suas jogatinas ao vivo. A partir daí é que começa realmente a aprender a gravar e transmitir seus gameplays por meio de plataformas como Twitch, Mixer e Nimo.tv, entre outros.

Uma das questões mais importantes é: qual o melhor programa para fazer streaming? Como uma decisão pessoal, é impossível dizer qual, de fato, supera todas as outras.

Algumas plataformas são mais intuitivas que outras, enquanto alguns softwares oferecem mais funcionalidades ou não cobram para usar o software. Esses são alguns dos critérios envolvidos na escolha de uma plataforma de streaming.

Para que possa criar um comparativo próprio, trouxemos 5 opções de programas para fazer streaming. Todos eles o tornarão apto a transmitir seus games, mas alguns se encaixarão melhor na sua rotina.

Por isso, pegue um bloco de anotações e comece a anotar as vantagens e desvantagens dos softwares que vamos mostrar abaixo!

1. OBS Studio

Um dos mais populares programas para fazer streaming. Parte dessa popularidade vem do fato dele ser gratuito e em código aberto. Por outro lado, sua curva de aprendizado é maior, tornando ele pouco amigável para iniciantes.

Tela do software OBS Studio

O Open Broadcast Software – nome completo do OBS – traz tudo que um software de streaming precisa para transmitir sua jogatina ao vivo. O OBS Studio é um projeto de código aberto e tem uma comunidade bastante ativa.

Por isso, não é difícil encontrar soluções para os problemas ou aprender como personalizar suas transmissões. Seu revés é não ter um suporte central, o que te obriga a pesquisar soluções para os problemas. Clique no link para baixar o OBS Studio.

2. Streamlabs OBS

Tela de transmissão de um game ao vivo no Streamlabs OBS

Criado pelo mesmo time do OBS Studio, o Streamlabs é uma alternativa mais amigável para quem é iniciante e não precisa de funcionalidades avançadas. Ele traz interface mais limpa, causando menos confusão.

Por outro lado, ele traz poucas funcionalidades extras e não possibilita tanta customização quanto o irmão mais velho. Nossa sugestão é que comece pelo Streamlabs e, assim que tiver o masterizado, migre para o OBS Studio.

O Streamlabs também é gratuito e pode ser encontrado acessando o link.

3. XSplit

Um dos principais concorrentes dos programas para fazer streaming da OBS. O XSplit também possui dois softwares, um indicado para o usuário avançado e outro para o iniciante. O XSplit GameCaster é a solução para quem está começando e o Broadcaster para quem já tem alguma experiência.

O primeiro é perfeito para ajustar as configurações básicas para o seu streaming começar a rodar no Twitch ou YouTube. A maioria das tarefas é automática e não exige muito tempo de aprendizado por parte do usuário.

Já o XSplit Broadcaster oferece diversas maneiras de personalizar a experiência dos seus assinantes. Você pode configurar resolução do vídeo, incluir dados técnicos como o número de pessoas acessando a transmissão e até mesmo inserir molduras ou a logo do seu canal de streaming, entre outros.

Clique no link para baixar qualquer uma das opções.

4. Wirecast

Esse pode ser considerado o software que está no topo dos programas para fazer streaming. Isso também se reflete no preço, já que ambas as versões do software são pagas.

A mais comum, Studio, oferece a possibilidade de convidar outros streamers e incluir elementos gráficos na tela durante a transmissão. O programa é um dos poucos a permitir que transmite simultaneamente em mais de uma plataforma. Ou seja, se tem canal tanto na Twitch como no Mixer e YouTube, a sua transmissão pode aparecer nas três ao mesmo tempo.

A edição Pro traz todas as funcionalidades da Studio. Além disso, também passa a poder ajustar detalhes como o nível de ISO do vídeo no streaming e chamar mais convidados para participar que na outra versão. Por ser parte de uma empresa grande, também terá acesso a um suporte totalmente preparado para resolver quaisquer questões que tenha com o programa.

Clique no link para saber mais sobre o Wirecast.

5. Lightstream

Fechando a lista dos melhores programas para fazer streaming temos o Lightstream. Assim como o OBS, ele é grátis. O software também é um dos poucos a funcionar na nuvem e, por isso, pode ser usado direto do seu navegador.

Funcionar na nuvem também possibilita controlar o software direto do seu celular remotamente. Tudo isso de maneira simples e fácil de usar, sendo também uma boa sugestão para quem está começando agora.

Tela do software Lightstream

O Lightstream não tem tantas funcionalidades como as plataformas pagas. Ainda assim, ele traz todas as funções básicas e permite convidar outro streamer para participar da transmissão. Acesse a página do Lightstream para começar a usá-lo.

Qual dos programas para fazer streaming costuma usar?

Já usou algum destes softwares antes? Está satisfeito com o seu atual ou está procurando mudar de plataforma?

Então comece já a testar cada um dos softwares e nos conte nos comentários o que achou de cada um deles!

Leia também:

Assinar
Notificação
21 Comentários
novos
antigos mais votados
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
PegaDesconto
Left Menu Icon